Arquivo por tag: BO

nov 29 2011

Configurando SSO entre SAP Portal x BOE x BW

Olá pessoal,

Hoje falaremos um pouco mais sobre configuração SSO e incluiremos no post a seguir a integração com o SAP Portal, BO e BW.

Pré-requisitos:

Antes de iniciar a configuração é necessário checar alguns pontos:

  • Todos os servidores envolvidos precisam estar no mesmo domínio para que o token SSO não expire imediatamente;
  • Os servidores do SAP Portal e o BW precisam acessar um ao outro (Trust);
  • O BW precisa estar configurado para aceitar LOGON TICKET do Portal;
  • A autenticação SAP precisa estar configurado no Business Objects Enterprise (BOE);
  • As aplicações utilizadas (Infoview, OpenDocument, Explorer) precisam estar configuradas para usar a autenticação SAP como padrão (default).

Configurando o “trust” entre o SAP Portal o SAP BW (System). 
  • Acesse o SAP Portal com um usuário administrador.
  • Vá em System Administration > System Configuration e  selecione  Keystore Administration no menu Detail Navigation.
  • Selecione a aba “Content”.
  • Clique no botão “Download verify.der File”. É necessário fazer download do certificado e importar no próximo passo para o SAP NetWeaver BW.
  • Você pode renomear o arquivo para um arquivo ZIP.  Extraia o conteúdo do arquivo para o disco local.
  • Agora acesse o SAP NetWeaver BW com um usuário administrador e execute a transação “STRUSTSSO2″.
  • No “Trust Manager” do lado esquerdo,  abra a pasta para entrar com o System PSE.

  • Use o botão “Import Certificate” (no canto esquerdo) e importe o arquivo exportado do SAP Enterprise Portal.

  • Com isso, o certificado do SAP Portal foi importado para o SAP NetWeaver BW e estabelecido o “trust”(confiança) entre o Portal e o BW.

Aceitando SSO Tikets

Para que o BW aceite o token do SAP Enterprise portal, é necessário configurar alguns parâmetros de perfil para o Single Sign On. Através da transação RZ10 é possível incluir ou alterar parâmetros de perfil, mas após isso, será necessário reiniciar o SAP BW.

No SAP BW, certifique-se que os parâmetros de perfil abaixo estão configurados da seguinte forma:

Profile parameter Value Comment
login/create_sso2_ticket 1 or 2 Use the value 1 if the server possesses a public-key certificate signed by the SAP CA. Use the value 2 if the certificate is self-signed. If you are not sure, then use the value 2.
login/accept_sso2_ticket 1 Use the value 1 so that the system will also accept logon tickets.
Configurando a autenticação SAP no BO
Configurando as aplicações web
As aplicações envolvidas precisam estar configuradas para usar o SAP authentication como autenticação default. 
InfoView
Para a versão Java do InfoView é necessário alterar o arquivo web.xml, localizado no diretório …TomcatwebappsInfoViewAppWEB-INF do servidor da aplicação.

Certifique-se que os parâmetros abaixo estão definidos da seguinte forma:
Parameter name Configuration Value
authentication.default secSAPR3
siteminder.enabled False
sso.enabled True

 

OpenDocument
Para a versão Java do OpenDocument é necessário editar o arquivo web.xml, localizado no tomcat no diretório  …TomcatwebappsOpenDocumentWEB-INF.
Certifique-se que os seguintes parâmetros estão definidos da seguinte forma:

Parameter name Configuration Value
opendoc.authentication.default secSAPR3
opendoc.siteminder.enabled False
opendoc.sso.enabled True
BO Explorer
No SAP BusinessObjects Explorer é necessário alterar alguns parâmetros como no feito para o InfoView e o OpenDocument.

Windows: Vá até o diretório …Business ObjectsTomcatwebappspolestarWEB-INFclasses.
Unix: Vá até …bobje/enterprise120/java/applications.

No caso de estar usando um servidor de aplicação diferente ou sistema operacional diferente, navegue até o diretório correto da aplicação no servidor.

No arquivo “default.settings.properties” certifique-se que os parâmetros abaixo estão da seguinte forma:

Property Value
show.sapsystem.name True
disable.sapsystem.name False
show.sapclient.name True
disable.sapclient.name False
authentications secEnterprise,secWinAD,secLDAP,secSAPR3
hide.authentication.method False
disable.authentication.method False
Default.authentication.method secSAPR3

Bom, os passos são esses e espero que tenham gostado do artigo!

Até a próxima!

nov 12 2011

Strategy Management 7.5 (SSM) – Conceitos e Acessos

No artigo de hoje falaremos sobre a ferramenta SSM (SAP Strategy Management 7.5), categorizada no segmento de EPM (Enterprise Performance Management) da Suíte SAP Business Objects.

SAP Strategy Management  – Conceito

Para os conhecedores, o SSM é o substituto do SEM (Strategic Enterprise Management), antiga ferramenta de BSC da SAP. Sua arquitetura é baseada no Pilot Works, ferramenta adquirida pela SAP em 2007. Diferente do SEM, o SSM propõe-se a integrar Estratégia com Execução. Metodologias tais como: Balanced ScoreCard (BSC), EFQM, Baldridge, Six Sigma, são opções de aplicação junto a ferramenta. Vale lembrar, que a existência de uma metodologia não é pré-requisito para implementação da ferramenta Strategy Management.  O SSM é altamente colaborativo, distribuído e flexível, traduzindo Modelagem de Negócios em Estratégia Corporativa. Como produto resultante, o SSM viabiliza Mapas Estratégicos, Iniciativas, Revisões Operacionais, Key Peformance Indicators (KPIS), Alertas , Dashboards/Relatórios e um Ambiente Estratégico bem definido.

Atualmente o SSM está na versão 7.5. A versão SSM 10.0 esta em fase de Ramp-Up.

 

SAP Strategy Management  – Acessos

Demo Launcher

Demo Launcher é o espaço de Boas Vindas do SSM, onde ficam disponibilizados os acessos ao Planejamento Estratégico da Empresa. Exemplo: (Se a empresa tem diversos segmentos de atuação, seus Planejamentos Estratégicos estarão disponíveis para o acesso no Demo Launcher)

http://<nwce_server>:<port>/strategy/pilotworks/demolauncher.htm

Interface dos Usuários

Nessa tela, é possível navegarmos pela seguinte estrutura de navegação (Tela Inicial, Estratégia, Iniciativas, ScoreCard, Painéis, Relatórios). Assumimos que nesse momento, os colaboradores do SSM já escolheram um Planejamento Estratégico para analisar no Demo Launcher.

http://<nwce_server>:<port>/strategy/strategymanagement

Administração

Nessa interface, temos todos os parâmetros necessários para o Administrador do ambiente configurar o conteúdo (MetaDados) da ferramenta Strategy Management. A Administração, se divide nos seguintes tópicos (Biblioteca, Contextos, Administração, Estratégia, ScoreCard, Entrada e Aprovação, Agendamento, Integração).

http://<nwce_server>:<port>/strategy/administration

Ferramentas

Nessa interface, temos acesso a ferramentas que auxiliam na manutenção e configuração da plataforma Strategy Management. A estrutura de ferramentas, divide-se em (Adicionar novo Banco de Dados, Gerenciador de Arquivos, Auditoria, Versão, JPIP Monitoramento, PAS Consulta, Configuração de Icones do ScoreCard, Tradução da Ferramenta).

http://<nwce_server>:<port>/strategy/tools

Os acessos citados acima, são fundamentais para inicio dos esforços na plataforma SSM 7.5. Em breve, falaremos sobre Arquitetura SSM com NetWeaver, Estrutura de Cubos (PAS) e acessos avançados a ferramenta.

Espero que tenham gostado.

 

Até a próxima!

 

nov 09 2011

BO 4.0 – BI Launch Pad (Parte 01)

Nessa série de artigos, vamos começar a falar sobre a nova plataforma da SAP, o SAP BO 4.0.  Nessa nova versão existem diversas novidades, principalmente no que se refere à parte web, o antigo Infoview (na versão 4.0 se chama BI Launch Pad).

O objetivo desse artigo é ir mostrando algumas diferenças e novidades dessa nova versão bem como ir atualizando o leitor com relação aos recursos e possibilidades dessa nova plataforma. Hoje trataremos especificamente sobre o BI Launch Pad.

1 – O que é o BI Launch Pad?

O BI Lauch Pad é uma aplicação web, que atua como um portal, com uma série de informações úteis para a sua empresa.  Nessa nova aplicação podemos acessar documentos do Crystal Reports, WebIntelligence, e outros documentos e organiza-los de acordo com suas necessidades. Como falamos no início desse artigo, essa aplicação vem pra substituir o antigo Infoview.

Essa nova plataforma, também fornece acesso a uma série de ferramentas analíticas para ajudar as grandes empresas a explorar suas informações com mais detalhes.

2 –Interface com o usuário

O cabeçalho do BI Launch Pad apresenta inicialmente algumas informações como:

Aplicações – Permite que você acesse vários aplicativos que se conectam a nova plataforma, esses aplicativos podem variar de acordo com a licença adquirida.

Preferências – Permite que você defina como suas informações serão exibidas.

No menu principal ainda temos um item para ajuda e log off da aplicação.

Abaixo apresentamos a estrutura básica de como o BI Lauch Pad está distribuído.

“My Recently Viewed Documents” – Mostra os últimos 10 documentos que você viu recentemente. A lista é ordenada por data de exibição.

“Unread Messages in My Inbox” – Mostra as 10 últimas mensagens não lidas na caixa de entrada.

“My Recently Run Documents” – Mostra os últimos 10 documentos no repositório, que foi programado recentemente junto com o status de cada instância.

“Unread Alerts” – Exibe as últimas 10 notificações de alerta.

“My Applications” – Fornece acesso rápido as aplicações do BI Launch Pad.

Após o login no BI Lauch Pad a primeira interface que veremos foi a que acabamos de explicar.

Observem que a área de trabalho ficou bem diferente do que estamos acostumados a trabalhar. Falaremos de outras mudanças ao longo dessa série de artigos sobre SAP BO 4.0.

Ao clicarmos na aba Documents visualizamos como os documentos estão organizados nessa nova plataforma.

Observem ainda na figura acima que podemos navegar nas opções de Folders, Categorias e Search no caso de fazer uma busca por um documento específico.

As telas são apresentadas abaixo.

No ambiente do BI Lauch Pad ainda temos como abrir as aplicações disponíveis como mostra a figura abaixo.

Observem que nessa nova versão a aplicação Analysis Edition for OLAP veio substituir a aplicação Voyager/Pionner. O BEx Web Applications nos permite fazer consultas e trabalhar diretamente com o BW no ambiente web, ainda temos outras funcionalidades que mostraremos ao ongo desses artigos.

Bom pessoal, espero que tenham gostado desse primeiro artigo sobre a nova versão do SAP BO, no próximo artigo falaremos sobre o Web Intelligence Application, mostrando seus recursos, novidades e exemplos de reports que podemos desenvolver com essa ferramenta.

Até a próxima.

 

 

set 24 2011

Configurando SSO – Conexões e Universos no Business Objects Enterprise (BOE XI 3.1)

Olá, hoje vamos mostrar  os procedimentos para utilizar o SSO em uma conexão entre o Universo do BO e o SAP BW.

Antes de iniciar a configuração é necessário os seguintes pré-requisitos:

  • No caso de integração com o SAP Portal, o BW precisa estar configurado para aceitar Logon Tiket do Portal (Assunto para outro post);
  • O SAP BW deve estar configurado para aceitar o SSO;
  • É necessário ter o SAP Integration Kit instalado no servidor e na máquina client que acessa o Universe Designer (BO).
  • É necessário que o usuário utilizado tenha permissão no BO para criar e /ou alterar conexões e universos.
  • É recomendado que todas as aplicações utilizem o mesmo Service Pack. (BOE XI 3.1 SP3, Integration Kit SP3, etc.) tanto no servidor quanto no client.
Bom, vamos a prática de como se configura o SSO no Universo do BO para acesso aos dados do SAP BW:
– Acesse o Universe Designer na máquina client utilizada para a configuração, com um usuário que possua perfil para manipular conexões e universos no BO.

– Após isso, clique em “Tools” > “Connections” (“Ferramentas” > “Conexões”)

A seguinte tela será exibida: Todas as conexões existentes no ambiente.

– Clique em “Add” para criar uma nova conexão.
– Clique em “Edit” para editar uma conexão.

– Selecione o tipo de conexão, no caso, “SAP” >”SAP Business Warehouse” > “SAP Client”.
– Informe um nome e clique em “Next”.

Será exibida a seguinte tela:

– Informe os parâmetros da conexão:

  • Client
  • Language
  • Login Mode
  • Application Server
  • System Number
  • System ID.

Em Authentication Mode, selecione “Use Single Sign On when refreshing reports at view time” (“Usar Sessão Universal ao atualizar relatórios durante a exibição”). Ao selecionar este opção de autenticação, o BO utilizará os dados do usuário que acessar os relatórios desta conexão, para acessar os dados no BW. Este só visualizará os dados nos quais possui permissão conforme as configurações de perfil através das roles do BW.

– Clique em “Next”
– Selecione seu cubo ou query.

O recomendado é que cada conexão esteja associada a uma query no BW e as restrições/acessos aos dados retornados pelas queries, sejam atribuídas através de roles no BW. Desta forma, toda parte de configuração de perfil de acesso as dados fica centralizada no BW.

– Clique em “Test Connection” para testar a conexão com os dados. Em caso de erro, verifique os parâmetros da conexão e certifique-se que estejam corretos.
– Clique em “Next” e, em seguida, finalize a configuração da conexão.

Cada universo criado no BO (Designer) está associado a uma conexão. Ao criar ou alterar uma conexão ou universo, verifique todos os objetos do BO que utilizam o universo e a conexão e certifique-se que nenhum deles será afetado pela ação.

Ao alterar uma query no BW é necessário verificar todos os objetos do BO que utilizam a query em questão, principalmente se alteração não for somente a inclusão de um novo campo.

Em geral, é recomendado que toda ação referente a conexões seja centralizada em um único usuário com perfil de administrador do BO.

Bom , é isso! Até a próxima!