Arquivo por categoria: QaaWS

set 23 2011

Query as a Web Services (QaaWS – Parte 03)

1 – QaaWS  – Conexão QaaWS no Xcelsius

No artigo de hoje finalizaremos as atividades realizadas no último artigo.  Para tanto façamos o seguinte:

Com o Xcelsius aberto Clique em “Manager Connections” ou simplesmente “CTRL+M”

Logo, aparecerá a conexão do QaaWS existente e suas configurações

Onde,

WSDL URL: é o endereço do Web Service onde o QaaWS “hospedou” o objeto. Após inserir a URL, clicar em “Import”

Method: é o método em que o web service irá executar na ferramenta externa.

Web Service URL: é o endereço do Web Service que irá servir de base para conectar aos objetos instanciados através do método “runQueryAsAService”

E em, Output Values: são as colunas da sua consulta que foi feito no serviço da web.

Em “row”, será listado todos os campos da sua consulta (dimensões e métricas), clique em cada uma delas e depois em  Insert In”, apontando para a célula do Excel, pois é onde será plotado os resultados na execução do seu painel.

2 – QaaWS – Mapeando resultados do serviço web no Xcelsius

Para que as colunas da sua consulta feita no serviço web reflita no painel do Xcelsius, faça o seguinte:

–     Clique na coluna correpondente (Ex.: Country)

–     Em “Inserir em:”

–     Repare que terá que ser selecionado um intervalo para plotar nas células do Excel dentro do Xcelsius

–     Mapeie as células A2 e A3.

–     Faça isso para as demais colunas.

–     Ficará mais ou menos assim

Obs.: Diferente do LiveOffice, os dados não são exibidos em tempo de desenvolvimento, por isso deverá ser mapeado as possíveis células que mostraram os dados quando o painel for executado.

Para que os dados venham atualizados assim que o painel for carregado, edite as configurações de conexão do QaaWS.

–     Clique em “Manage Connections”.

–     Selecione sua conexão QaaWS

–     Clique na aba “Usage”

–     Habilite a opção “Refresh Before Components Are Loaded”

–     Habilite a opção “Enable Load Cursor”

–     Habilite a opção “Disable Mouse Input on Load”

–     Clique em “Close”

3 – QaaWS – Criando e Atualizando Painéis

 

Escolha um componente qualquer (Exemplo: Line Chart)

Nas suas propriedades, vamos editá-lo da seguinte forma:

–     Em “Title”, mapeie qualquer célula

–     Em  “Data”, clique na opção “By series” e clique na opção “+” se for inserir um ou mais séries.

Mapeie seus nomes e valores

–     Em “Category Labels (X)” mapeie o seu eixo “X” no gráfico.

Faça as demais edições nas propriedades do componente:

–     Behavior Common, Scale e Animations and Effects

–     Apparence Layout, Series, Axes, Text e Colors

Feito as devidas edições nas propriedades do componente, clique em “Preview”

Será gerado um flash (SWF) interno e exibirá o resultado.

Assim que gerar e carregar o flash, o Xcelsius irá pedir uma autenticação do BO.

Com a autenticação correta, os dados serão exibidos.

4 – QaaWS – Exportando Painel para a plataforma do Business Objects

O Xcelsius tem a funcionalidade de poder exportar o Painel (gerado em SWF) para a plataforma do Business Objects.

Clicando em “Export”, “SAP Business Objects Plataform”, irá pedir uma autenticação.

Após se autenticar, escolha a pasta do projeto, escolha um nome e clique em “Save”

 

O Xcelsius irá carregar o flash, salvando-o no InfoView.

Para conferir, vá até o InfoView e na pasta que escolheu para gravar o painel, dê um duplo clique e aguarde carregar.

 

Bom pessoal, com isso concluímos nossa série de estudos sobre o Query as a Web Services, espero que tenham gostado e que esse artigo possa ser útil no dia a dia de projeto de todos.

Até a próxima.

set 21 2011

Query as a Web Services (QaaWS – Parte 02)

No ultimo artigo vimos alguns conceitos ligados ao QaaWS, hoje vamos começar a apresentar um exemplo
de como utilizar esse importante recurso disponível na plataforma SAP BO.

O Exemplo que iremos apresentar será uma integração entre a ferramenta Query as a Web Services com o
Xcelsius, a ideia é montarmos um relatório ou dashboard com informações oriundas de um universo e não de uma planilha Excel.

Abaixo apresentamos o Workflow de integração QaaWS com o Xcelsius.

1 – QaaWS – Integração com Xcelsius – Adicionando e configurando o servidor

Abaixo apresentamos como se deve adicionar e configurar um servidor.

– Abra o QaaWS

– Autentique-se normalmente no CMS, caso seja o primeiro acesso precisaremos configurá-lo.

–     Clique em “Host” (passo 1)

–     Clique em “Adicionar” (passo 2)

–     Insira as informações do nome do servidor, URL, CMS, usuário e tipo de autenticação. (passo 3)

–     Clique em “OK”

–     Clique em “Fechar”

–     Insira sua senha e “OK” (voltar ao passo 1)

2 – QaaWS – Criando e publicando query no web servisse

Assim que estiver autenticado no CMS, faça os seguintes procedimentos.

–     Clique  no menu “Consulta” > “Novo” > “Consulta”

–     Em “1. Descrição” é aonde irá ser definido as propriedades dos serviços web.

–     Insira um nome do serviço web

–     Insira uma descrição sucinta desse serviço web

–     Clique em “Avançar”

–  Nessa tela deverá ser selecionado um universo.

– Assim que o “Universo” for selecionado, clique em “Avançar”

–  Crie sua consulta normalmente. Essa tela lembra o painel de consulta do WebIntelligence.

– Insira os objetos dimensão e métricas para o “Objeto de resultado”.

– Insira filtros, se necessário.

–  Clique em “Avançar”

–  Nessa tela será visualizado sua consulta.

– Clique em “Publicar”

–  Na tela inicial do QaaWS, clique no seu serviço web que acabou de criar.

–  No lado direito da tela, repare que em “URL” está sendo exibido o caminho do seu web service, o WSDL.

Espero que tenham gostado dessa segunda parte do artigo, no próximo post falaremos sobre como criar a conexão do Query as a WebServices no Xcelsius bem como a construção de um relatório baseado na consulta criada.

Até a próxima.

 

set 17 2011

Query as a Web Service (QaaWS – Parte 01)

No artigo de hoje vamos falar sobre uma ferramenta muito útil para montarmos consultas e consumirmos a mesma através de ferramentas como o Xcelsius.

Antes de qualquer coisa vamos entender alguns conceitos, arquitetura e utilização dessa ferramenta muito útil.

1 – O que é o Query as a Web Service?

É um aplicativo que permite que usuários criem e publiquem consultas rapidamente como um serviço web.

Uma consulta como um serviço web é uma instrução SQL que foi construída sobre um universo do SAP BO e publicado como um serviço web para um servidor.

2 – Componentes Server e Client da Arquitetura Query as a Web Service

O Query as a Web Service foi projetado para trabalhar em cima de qualquer aplicação Windows da mesma forma que outros serviços Web.

O Query as a Web Service é baseado nas especificações de serviços da web do W3C (SOAP, WSDL,e XML).

Ela tem dois componentes principais: Componente Servidor e Ferramenta Cliente.

Componente Servidor – O Componente Servidor armazena as consultas como um catálogo de serviços web e hospeda os serviços web
publicados.

Ferramenta Cliente – Esse é o lugar onde os usuários de negócio criam e publicam suas consultas como um serviço web.

Abaixo segue o desenho da arquitetura aqui explicada.

3 – Workflow do Query as a Web Service

O primeiro workflow é baseado no processo de desenvolvimento.

Existe um Universo onde se conecta ao QaaWS, que por sua vez é linkado e mapeado no Xcelsius, onde exportando e publicando
documentos, pode-se visualizar em qualquer dos formatos (Office, PDF) ou em qualquer ferramenta BO (WebI, DesktopI, Crystal Reports).

O Segundo workflow é baseado no processo de execução da ferramenta.

Existe um universo onde se conecta ao documento WSDL (que nada mais é do que uma URL gerado pelo Web Service), que faz link direto as ferramentas de visualização.

No próximo artigo vamos demonstrar a utilização da ferramenta Query as a Web Service construindo uma consulta a partir de um
universo e consumindo essas informações no Xcelsius, espero que tenha gostado dessa parte conceitual, pois ela é importante para entender melhor os exemplos do próximo artigo.

Até a próxima.